Como não ficar no escuro quando faltar energia elétrica (chegou o inverno!) usando um nobreak

Aqui vai um post diferente sobre uma situação inusitada que na minha opinião deve ser registrada. Não preciso dizer que inverno + fornecimento de energia elétrica no Brasil é uma novela recém lançada com final conhecido por todos né. Hoje, primeiro dia de julho, acordei de madrugada com ventos loucos e muita chuva. Pela manhã, sem energia elétrica e sem sinal da Vivo. Normal.

Para quem acorda muito cedo, a escuridão do inverno requer luzes acesas para que a pessoa se desloque pela casa sem se bater nos móveis. SOLUÇÃO? Por que não usar meu nobreak para iluminar a casa?!

Se você tem coragem, um quadro de energia dentro da casa e um nobreak de pelo menos 700VA, vamos aos passos:

  1. DESLIGUE TODOS OS DISJUNTORES do quadro interno da casa (ou um geral, se tiver);
  2. Monte um cabo de alimentação padrão (NFT ou FFT) com tomadas macho nas duas pontas;
  3. Conecte esse cabo DA SAÍDA DO NOBREAK À TOMADA DA SUA CASA - qualquer uma;
  4. DESLIGUE E RETIRE DAS TOMADAS TODOS OS EQUIPAMENTOS DE ALTO CONSUMO como refrigeradores, freezers e coisas assim, deixando apenas lâmpadas para serem acionadas;
  5. Se suas lâmpadas de casa são a base de LED, melhor ainda. E se forem bivolt (90V~240V) será excelente porque a saída do nobreak geralmente é 115V (aqui no Sul, temos padrão 220V para residencial na maioria dos locais, mas minhas lâmpadas são quase todas bivolt); 
  6. Ligue o nobreak e acenda o menor número de lâmpadas possível para manter o consumo baixo e ter mais autonomia;
  7. Aproveite!

Pontos importantes: se seu nobreak tiver saída 220V e sua região for 127V, NÃO FAÇA ISSO. O contrário também vale o NÃO FAÇA ISSO. Essa é uma medida extrema e emergencial e eu não estou dizendo que isso é correto nem estou recomendando que alguém faça a mesma coisa. A maioria dos nobreaks 'pequenos' não são senoidais, e dependendo do que você for ligar na saída dele, pode danificar tanto o nobreak quanto o que você estiver tentando alimentar. A ideia aqui é tão somente ter energia na rede interna da casa para alimentar as luzes numa situação de emergência e não tocar a casa inteira na saída de um nobreak goiabinha. Obviamente que seu nobreak deve permitir o acionamento a frio (cold start) para que essa experiência dê certo. Também é de suma importância que ele esteja com carga e com baterias em dia, mesmo sendo implícito é algo que deve ser lembrado. A autonomia de um nobreak de 700VA alimentando de uma a três lâmpadas LED (odeio esse termo comercial) é grande, não posso afirmar porque quando saí de casa ainda tinha uma grande carga disponível - devo ter usado por cerca de 40 minutos ou mais e o nobreak sequer alertou alguma coisa. Tenho um SMS New Station 700bi. E adoro SMS.

E o mais importante: depois que fizer uso dessa técnica ousada, desligue o nobreak e retire-o da tomada antes de religar os disjuntores do seu quadro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao comentar neste blog, você estará concordando de forma automática e amigável que o teor de seu comentário é de sua total e irrestrita responsabilidade, que Lucas Toledo não endossa ou compartilha de sua opinião e que este site não possui qualquer vínculo direto ou indireto com possíveis reações e/ou repercussão posteriores.

O site diyPowered, Lucas Toledo, as produções e atividades não possuem quaisquer tipos de vínculos com empresas, fabricantes e distribuidoras.

Ofensas, publicidade - incluindo comentários não produtivos com a intenção de divulgar blogs ou sites - ou qualquer conteúdo em desacordo com o blog não serão publicados.